Em meio à formação básica ou universitária, o pânico para se tornar atrativo no ferrenho mercado de trabalho é cada vez mais objeto de estudo para os especialistas na busca de um currículo “perfeito”.

Segundo o último dado divulgado pelo Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE), são mais de 13 milhões de desempregados no país. Por sua vez, as buscas por qualificações têm aumentado potencialmente, como empresas que fornecem trabalhos específicos para tornar os CV’s atrativos, inserções de imagens dinâmicas (versão online) e vídeos de apresentação das qualidades.

A partir disso, vamos destrinchar abaixo quais os principais segredos para tornar seu currículo objeto de desejo da empresa que pretende se candidatar para uma vaga.

Bibliografia

Nunca faça textos muito longos na hora de descrever suas qualidades e conhecimentos. Faça, se possível, em listas ou bullets, para que torne algo agradável para o headhunter que está recebendo os documentos para análise.

Fontes clássicas

É necessário que as fontes sejam Arial ou Times New Roman tamanho 10 ou 12, respectivamente. Não misture. O efeito sobre o analista do documento vai depender muito do visual escolhido. Além disso, sempre espaçamento de 1,5 linhas e com um ’Enter’ na separação dos parágrafos para oxigenar o texto.

Menos é MAIS

O processo de edição sempre é complicado, mas muito necessário para a melhora de tudo. E na sua apresentação é preciso ser sucinto e dizer muito com poucas palavras. A relevância de informações sobre você é o necessário para recrutador saber quando o selecionar para uma entrevista. O menos é mais para isso: comunique tudo que tem ao seu respeito e que importe, sem sobrar ou faltar algo.

Palavras-Chave

No momento que o responsável recebe o currículo para averiguar os seus atributos, é de extrema importância que utilize palavras-chave referentes a sua vaga, já que a leitura de cada pessoa é distinta. Então, quando for escrever, imagine uma pesquisa SEO (otimizada) onde são encontradas palavras relacionadas ao tema de pesquisa. A visão do analista é exatamente essa para taxa de corte dos possíveis contratados.

Existe um começo

Obviamente sempre haverá um fim. Porém, o currículo é necessariamente o começo da vida profissional. Isto posto, não há por que deixar o melhor para o final, todos sabemos que ele existe. Consequentemente o seu conteúdo precisa estar como convite de entrada ao recrutador para avaliar o restante. Este estímulo é importante para que ele tenha interesse em seguir lendo sobre você.

Diferencial

O seu currículo traz a versão profissional do candidato e não a pessoa em si. Portanto, é algo positivo e recomendável que suas atividades extracurriculares, caso haja, como natação, trabalho voluntário, iniciação científica ou projetos acadêmicos, estejam postos ali para o headhunter entender sua personalidade e como possivelmente se portará se contratado após uma entrevista.

Sob Medida

O conteúdo a ser feito pelo concorrente à vaga precisa entender as diretrizes e quais as características do empregador. Ou seja, avance num estilo de currículo de acordo com os requerimentos da vaga. Por exemplo, não faça um designer alternativo ou mesmo utilize palavras da ‘moda’, se a área de atuação da empresa em questão tem um perfil mais conservador. Se adequando a isso, você estará à frente da concorrência.

Você já sabe o que cursar? Tem interesse em uma área específica? A Unimep tem diversas áreas para se apostar. Conheça a lista completa de cursos e invista no seu futuro!

Leia também

Cadastre-se para receber nossos informes e newsletters!