Você está aqui: Página Inicial / Acontece / Notícias Acontece / Unimep é a primeira universidade da Educação Metodista a implementar sistema Totvs

Unimep é a primeira universidade da Educação Metodista a implementar sistema Totvs

por Angela Rodrigues publicado 01/01/2017 05h00, última modificação 17/05/2017 13h17

O processo de substituição do sistema mainframe para o sistema Totvs, que teve início em maio e prosseguirá até agosto, será implementado inicialmente na Unimep para que, no segundo semestre, seja incluído também em todas as outras instituições de ensino superior da Educação Metodista do país. Essa foi uma das informações transmitidas pelo reitor prof. Marcio de Moraes aos coordenadores de cursos, diretores de faculdades e colaboradores de setores administrativos específicos da Unimep, que participaram de duas reuniões sobre o novo sistema.

De acordo com o reitor prof. Marcio de Moraes, a escolha da Unimep para ser a pioneira na instalação do novo sistema ocorre pelo fato de a universidade contar com o sistema mais complexo e, ao mesmo tempo mais completo, no que se refere à integração entre os dados da área administrativa e do segmento acadêmico. "Após ser implementado e entrar em funcionamento na Unimep, certamente o novo sistema irá atender bem todas as demais instituições metodistas, inclusive outras escolas. A iniciativa tornará a Unimep referência na Educação Metodista para a implantação do Totvs", afirma ele.  

MUDANÇA

A decisão da substituição para o sistema Totvs, segundo o reitor, ocorreu no final de 2015 após a constatação de que atualmente várias instituições e organizações, educacionais ou não, que trabalham com um sistema proprietário (como o mainframe), estão buscando outras soluções. "Os sistemas proprietários não devem ter continuidade por muito tempo, além disso, a manutenção tem custos mais elevados", afirma Moraes.

Segundo o reitor, o sistema Totvs já é utilizado por outras instituições educacionais do país. Já dentre as instituições metodistas, o sistema atende as escolas do ensino básico, exceto o Colégio Piracicabano. A implementação do novo sistema também no Colégio Piracicabano ocorrerá em conjunto com a universidade.

MELHORIAS E TREINAMENTOS

Para Moraes, são distintas as melhorias em relação à instalação do sistema Totvs como a possibilidade de o próprio professor ou funcionário desenvolver relatórios e exportá-los para outra ferramenta. Além disso, ele também aponta a disponibilização de portais para o aluno, para o coordenador de curso e também para a equipe diretiva, conforme o perfil de cada segmento. "É importante destacar que não haverá nenhuma mudança em relação ao Moodle, por exemplo. Mais do que isso, haverá sim um ganho que é a execução do programa Office 365, que oferece mais espaço para os usuários guardarem e armazenarem as informações", afirma.

Em relação à migração de dados do sistema atual para o Totvs, Moraes fala que ao longo do processo, serão observadas todas as necessidades da instituição, que serão adaptadas. "É importante ressaltar que as informações do mainframe serão migradas para o novo sistema. Há vários procedimentos de segurança em relação ao processo de transferência", afirma o reitor.

Para realizar os possíveis ajustes ou buscar soluções para necessidades que surgirem, uma equipe de profissionais permanecerá na universidade até a conclusão da instalação do Totvs. A equipe será responsável também em oferecer auxílio e ministrar treinamentos para os docentes e colaboradores, conforme as etapas de instalação do Totvs. Os profissionais ficarão instalados no terceiro andar do prédio administrativo, no Centro de Apoio a Implementação do Novo Sistema (Cais).

 

Texto: Angela Rodrigues
Coordenação: Celiana Perina
Fotos: banco de imagens
Última atualização: 17/05/2017