Você está aqui: Página Inicial / msg / comunicados / 2020 / portarias / anexos / Notícias Americano / 1º ano do EF aprende os “Órgãos dos sentidos”

1º ano do EF aprende os “Órgãos dos sentidos”

por Colégio Metodista Americano — publicado 21/08/2014 07h50, última modificação 17/06/2020 18h29
Conteúdo relacionado aos órgãos dos sentidos está sendo trabalhado nos primeiros anos de forma lúdica.

O 1º ano do Ensino Fundamental, do Colégio Metodista Americano, está vivenciando o conteúdo "Órgãos dos sentidos”, que são os responsáveis pelas diferentes sensações que experimentamos. Graças a eles, podemos enxergar, ouvir, sentir o gosto e o cheiro das coisas, tocar e sentir objetos. Durante as aulas, foram desenvolvidas atividades lúdicas, entre elas: a degustação de alimentos com os olhos vendados, para tentar identificar sabores; colocar a mão em caixa fechada para descobrir objetos pelo tato; apreciação de diversos sons e muitas outras brincadeiras.

Na turma 13, as experiências despertaram a curiosidade sobre a linguagem dos sinais (LIBRAS) e sobre o sistema de leitura com o tato (Braille). A professora Márcia Franceschini e alguns alunos contribuíram enriquecendo o tema com livros em braile, explorando a comunicação por sinais, fazendo com que muitas das crianças aprendessem as letras de seu nome.

 

Braille - O Braille é um alfabeto convencional cujos caracteres se indicam por pontos em alto relevo. O deficiente visual distingue por meio do tato. A partir dos seis pontos relevantes, é possível fazer 73 combinações que podem representar letras simples e acentuadas, pontuações, números, sinais matemáticos e notas musicais.

 

LIBRAS - É a língua de sinais usada por deficientes auditivos e reconhecida pelo artigo 13 da Constituição Federal Brasileira. A LIBRAS não é a simples gestualização da língua portuguesa, e sim uma língua à parte, como comprova o fato de que em Portugal usa-se uma língua de sinais diferente, a língua gestual portuguesa (LGP).