Você está aqui: Página Inicial / msg / comunicados / 2020 / portarias / anexos / Notícias Americano / Documentário produzido por alunos do Colégio Americano vence o Prêmio “Meu primeiro filme” realizado pelo Santander Cultural

Documentário produzido por alunos do Colégio Americano vence o Prêmio “Meu primeiro filme” realizado pelo Santander Cultural

por Colégio Metodista Americano — publicado 20/10/2015 12h43, última modificação 17/06/2020 18h32
Os alunos venceram como melhor documentário na categoria “Prêmio especial pela excelência em produção”

            Uma visão sobre os diversos aspectos da “Cultura de Rua” é o que aborda o documentário produzido pelos estudantes do Colégio Metodista Americano de Porto Alegre. Produzido no ano de 2014, o filme foi idealizado pelos estudantes dos 2ºs e 3ºs anos do Ensino Médio, baseados no tema “Diversidade Cultural” para concorrer na 15ª edição do Festival Oscarito.

          O documentário que traz um panorama da arte de rua porto-alegrense venceu ao concorrer com diversas escolas de Porto Alegre e Região Metropolitana, ao prêmio “Meu primeiro filme” idealizado pelo Banco Santander. Abordando o popular e buscando divulgar a qualidade das produções de rua, é que surgiu o “Cultura de Rua”.

         Trazendo para a realidade escolar o cotidiano dos artistas, os estudantes entrevistaram músicos, pintores, desenhistas e grafiteiros que trabalham nas grandes avenidas e parques de Porto Alegre. Com base nos relatos foi construido um curta de 15 minutos onde os profissionais abordam os motivos para trabalhar na rua e destacam o prazer em poder levar ao alcance de todos que passam na rua a arte: “A diferença é o acesso, aqui todo mundo pode ver, pode entrar”, destacou o mentor do Projeto Valentim - O Projeto Valentim visa levar música para diversos locais do estado - e um dos entrevistados do filme, Érico Junqueira.

         Esses aspectos podem ser conferidos no curta por meio dos depoimentos dos diversos representantes da variedade de composições artísticas de rua. O filme apresenta um panorama da diversidade cultural do estado e do Brasil, destacando pontos marcantes da vida e do trabalho dos artistas.

         O Projeto "Meu Primeiro Filme", do Santander Cultural, propõe o desenvolvimento de material audiovisual de estudantes do ensino médio de escolas públicas e privadas de Porto Alegre. A ideia é fortalecer o senso crítico dos estudantes em torno da diversidade cultural. O projeto também objetiva criar materiais didáticos, estruturas e ferramentas de apoio ao ensino de cinema nas escolas de nível médio.

         Participaram da produção do documentário os alunos Filipe Orsatto, Gabriella Penna, João Pedro Vanacôr, Luiza Divino, Maria Eduarda Luhring, Marina Nogara, Tomás Xavier Cavedon, Vitor Dias Ferreira.

         O Colégio Americano ainda obteve mais um prêmio. O destaque dessa vez ficou por conta da estudante Maria Eduarda Luhring venceu a categoria de melhor atriz, pela atuação no filme “Eu sei” que também foi produzido pelos estudantes do Colégio Metodista Americano para o 15º Festival Oscarito. 

          Na sexta-feira o Colégio Metodista Americano realizará no Auditório Elizabeth Lee uma pequena solenidade para que seja feita a entrega dos prêmios conquistados pelos estudantes.

          Além dos dois filmes vencedores, foram indicados outras produções da escola, entre elas: Melhor roteiro: Terra de Ninguém ; Melhor Trilha: Cultura de Rua; Melhor Documentário: Contestação; Liberalizar; Cultura de Rua e As visões do aborto.

Confira abaixo os links dos documentários que receberam prêmios:
Cultura de Rua
Eu sei