Você está aqui: Página Inicial / msg / comunicados / 2020 / portarias / anexos / Notícias Americano / Último dia da 26ª Feira do livro no Americano recebe Ana Terra e Carlos Gontow

Último dia da 26ª Feira do livro no Americano recebe Ana Terra e Carlos Gontow

por Colégio Metodista Americano — publicado 16/07/2010 08h25, última modificação 17/06/2020 18h27
Atividade extra de sexta-feira (16/07) traz Altair Martins para conversa sobre leitura para o vestibular
Reis, rainhas, príncipes, princesas e um mostro que gostava de sorvete, todos envolvidos numa história de muita coragem. Essa é a trama do livro “Mostro monstruoso da caverna cavernosa”, ilustrado por André Neves que participou de uma sessão de autógrafos e conversa com a turma 31 nesta quinta-feira (25/07) no último dia da 26ª Feira do Livro do Colégio Metodista Americano. O escritor, que já esteve inúmeras vezes na Feira, diz que adora participar do evento, pois sabe que sempre vai ser tratado com muito carinho. Aos(Às) alunos(as), ele revelou um grande segredo: “Em todos os cômodos da minha casa tem livros, até no banheiro”.

No último dia de Feira (15/07), os(as) alunos(as) da turma 11, participaram de uma contação de história em inglês com Michele Schiwertner, que não cansou de mudar de figurino para ilustrar a história.

Também em inglês foram as apresentações de Carlos Gontow: Bringing Books into Life - A Theatrical Experience (em português: Trazendo os Livros para a Vida – Uma Experiência Teatral). Com música, risos e conversas, mais de 10 turmas de Ensino Fundamental saíram falando inglês do Auditório Elizabeth Lee.

Para Cleonice Zatti, uma das organizadoras do evento, a Feira é um ponto de encontro entre alunos(as), autores(as) e literatura. “O livro para mim é um alimento para a alma e para a imaginação”, diz. Neste último dia de feira, vestida de Cinderella, Zatti contou a famosa história da gata borralheira dos Irmãos Grimm. Sobre o fim das atividades, ela ressalta a participação de todos(as) os(as) estudantes. “É muito gratificante estar nessa equipe e ter esse ótimo retorno. Já quero organizar a próxima!”, completa.

A Feira do Livro do Americano contou com cerca de 10 bancas para a venda de livros e recebeu os escritores Moacyr Scliar, Ricardo Silestrin e Ana Terra, a homenageada desta edição. Também marcou presença a escritora Iria Müller Poças, uma das precursoras da feira, ao montar uma banca em 1984. Hoje, ela diz que o crescimento ao longo dos anos está a “olhos vistos” e se orgulha muito da sua participação. “Eu me sinto realizada de estar aqui todos os anos e ver o quanto esta atividade é importante para as crianças e para a escola”, comenta.

O Americano realiza a Feira todos os anos e apresenta as novidades das editoras, com desconto sobre os produtos. “Temos como objetivo despertar o interesse para a leitura, valorizar e conhecer o(a) autor(a), sua biografia e falar sobre literatura em si”, explica Zatti.

Nesta sexta-feira (16/07), o Americano realiza uma atividade extra com estudantes do Ensino Médio. Pela manhã, o escritor Altair Martins promove uma conversa sobre as leituras obrigatórias para o vestibular.

A semana cultural do Americano começou com um encontro com o escritor Caio Riter, que palestrou sobre o processo criativo e escrita e autografou o livro “O rapaz que não era de Liverpool”.

Jornalista responsável: Vanessa Mello
Colaboração e fotos: Cláudia Sobieski e Ângela Camana