Você está aqui: Página Inicial / Notícias / Aluna de ed. física e atleta da seleção brasileira de karatê

Aluna de ed. física e atleta da seleção brasileira de karatê

por Universidade Metodista de Piracicaba — publicado 21/09/2015 16h04, última modificação 26/04/2016 18h52

Stéphani Trevisan de Lima, 18, aluna do 2º semestre do curso de educação física, é atleta da seleção brasileira. Ela compete na modalidade Shiai Kumite - até 61 quilos. A jovem disputará, em outubro, o Campeonato Brasileiro de Karatê e, em novembro, os Jogos Abertos do Interior e a Copa São Paulo. Ela segue os passos da campeã, também unimepiana, Natalia Brozulatto, que conquistou a medalha de ouro nos Jogos Pan-Americanos realizados em Toronto, no Canadá. A história da Natalia, e do atleta de kung fu e unimepiano Paulo Medeiros, você confere aqui: http://www.unimep.br/noticias.php?nid=4337

 

AMOR AO ESPORTE

Stéphani começou a praticar karatê em 2003, com seis anos: “sempre ia assistir minha tia lutar em competições e via algumas aulas quando podia. Então comecei a praticar, mas levava tudo na brincadeira”. Depois de alguns anos,  a estudante começou a competir profissionalmente. Ela tem o sonho de construir carreira acadêmica, mas pretende seguir no esporte.

O maior desafio, ela afirma, é a falta de patrocínio pelo fato de o karatê não ser um esporte olímpico: “as viagens são sempre muito caras e muita gente acaba abrindo mão de competir por falta de apoio. Durante todo o ano participei de diversas competições e, independente do evento, há um custo que, às vezes, é muito alto. Precisamos de dinheiro para inscrição, transporte, alimentação, hospedagem, entre outras coisas. Conforme o tempo vai passando, as empresas ou pessoas que ajudaram não podem contribuir novamente”.

Stéphani conta ter total satisfação por ter escolhido cursar educação física: “amo o curso que faço. Demorei a escolhê-lo, mas não me arrependo nem por um segundo. A educação física é um campo muito amplo, cheio de oportunidades, isso me deixa muito empolgada. O curso permite que me conheça mais e aprenda coisas que nem imaginava. Isso me empolga”.


Texto: Serjey Martins
Fotos: acervo pessoal
Edição/coordenação: Celiana Perina
Última atualização:  21/09/2015

 

 

registrado em: