Você está aqui: Página Inicial / Notícias / Aluna de medicina veterinária apresenta projeto de iniciação científica em etapa internacional de simpósio

Aluna de medicina veterinária apresenta projeto de iniciação científica em etapa internacional de simpósio

por Angela Rodrigues publicado 24/01/2021 05h00, última modificação 25/01/2021 15h57

Yasmin Jabr Abdel Jabbar (imagem ao lado, à esquerda), 19, aluna do 5º semestre de medicina veterinária da Unimep, participa em março,  da etapa internacional do Simpósio de Iniciação Científica da Universidade de São Paulo (USP). No congresso, ela apresentará os resultados do projeto de iniciação científica desenvolvido no período de agosto de 2019 a agosto de 2020.

A seleção para participar da etapa internacional do evento veio após a participação da estudante na primeira fase do simpósio. “A oportunidade surgiu a partir do projeto que realizei junto ao meu orientador e aos alunos de pós-doc do LANA/Cena. Passamos pela primeira fase e agora estou estudando para a fase internacional do Simpósio, sempre com a ajuda deles”, conta ela.

O evento ocorrerá em março, no formato online. Nele, Yasmin irá expor os dados e resultados da pesquisa “Produção e Valor Nutritivo de Tithonia diversifolia como forragem para ovinos”. O projeto de iniciação científica desenvolvido por ela teve a orientação do professor Adibe Luiz Abdalla, da Cena/USP.

A coordenadora do curso de medicina veterinária da Unimep, a professora Andrea do Nascimento Araújo Pratti, conta que Yasmin iniciou o estágio no Cena/USP em 2019, após orientação do professor da graduação, Murilo Fernandes.

“O trabalho foi resultado de estágio não obrigatório, iniciado em 2019. Nesta época, o professor Murilo Antonio Fernandes, que ministra a disciplina Anatomia Animal e Enfermidades Parasitárias, e é doutorando no Centro de Energia Nuclear na Agricultura - Cena/USP,  orientou os alunos sobre abertura de edital para estágio  criando esta oportunidade já no primeiro semestre do curso. No decorrer do estágio, surgiu a oportunidade de realizar a pesquisa,  orientada pelo professor Adibe Luiz Abdalla, referência nos estudos da ciência animal e produção sustentável de ruminantes, com a participação de um de nossos professores e pós-doutorando do Laboratório de Nutrição Animal no Cena/USP, professor Paulo de Mello Tavares Lima, na coleta de dados, análise laboratorial e redação científica, ressaltando a qualificação do nosso corpo docente”, detalha a coordenadora.

Após um ano de estudos e a participação de Yasmin na 1ª fase do simpósio, a pesquisa foi aprovada para a etapa internacional. Foi a 1ª vez que ela teve o trabalho selecionado nesse evento.

“No momento que soube da aprovação, fiquei completamente extasiada. Quando a minha amiga contou que passei para a fase Internacional, me senti tão feliz e realizada, e corri contar para as pessoas que sempre me apoiaram e nunca duvidaram da minha capacidade, meus pais, minha vó e meus amigos. Confesso que não achei que realmente conseguiria, mas, a partir de agora, nunca mais duvido do meu potencial de correr atrás dos meus sonhos dentro da Medicina Veterinária, de conseguir realizá-los e crescer nesse meio” afirma a estudante.

PROJETO – O projeto de iniciação científica realizado por Yasmin teve como principal objetivo investigar a produtividade e qualidade nutricional da pastagem de Brachiaria sp. consorciada ou não, com Tithonia diversifolia (Tithonia) por meio da produção de biomassa e de análises bromatológicas. Após um ano de pesquisas, dentre outros resultados, ela concluiu que a forragem produzida no consórcio entre T. diversifolia e Brachiaria sp. apresentou valor nutricional semelhante ao da pastagem em plantio exclusivo.

Para a professora Andrea, a conquista da unimepiana é um grande incentivo e abre muitos caminhos para novos projetos.

“As principais contribuições dessa conquista para a graduação são o incentivo ao intercâmbio entre instituições de pesquisa e estímulo ao desenvolvimento de novos projetos. Para a aluna, este reconhecimento serve de motivação para dar continuidade na área de pesquisa, para aprimorar o conhecimento nas disciplinas relacionadas ao tema de sua pesquisa, bem como para desenvolver a habilidade em redação científica, servindo de exemplo e incentivo aos demais alunos”, afirma ela.

A docente também destaca que pelo fato de o curso de medicina veterinária ser um dos cursos mais novos criados na Unimep, o desenvolvimento de projetos de pesquisa está em início. “Portanto, é importante manter este intercâmbio com outras instituições, que por sua vez não possuem um curso de medicina veterinária, o que permite uma troca de informações multidisciplinares que podem contribuir mutuamente”, aponta a coordenadora.

 

 

Texto: Assessoria de Comunicação Unimep
Fotos: capa: banco e imagens gratuito Unplash (Christin Hume) e foto interna: acervo pessoal aluna Yasmin Jabr Abdel Jabbar
Última atualização: 08.01.2021