Você está aqui: Página Inicial / Notícias / Aluno do curso de direito do campus Taquaral participa do festival Som Maior do Sesc

Aluno do curso de direito do campus Taquaral participa do festival Som Maior do Sesc

por Angela Rodrigues publicado 12/11/2019 07h00, última modificação 12/11/2019 21h54


Diogo Bernardino Oliveira, 18, é universitário do curso de direito do campus Taquaral da Unimep e, há dois anos, toca instrumentos musicais. Guitarrista na banda Para Raio, Oliveira participa como monitor e, com a sua banda, representa a Unimep em todas as atividades do festival de música estudantil Som Maior, idealizado e coordenado pela pianista Regina Gomes, com a participação de músicos em oficinas e espetáculos no Sesc Piracicaba.

Além de Diogo, que é guitarrista, também compõem a banda Para Raio: Gustavo Gonsalves da Silva (bateria) e Giovani Dalosta Freitas (baixo).

Em entrevista ao Acontece Unimep, o unimepiano conta como ingressou no evento e fala sobre a sua trajetória.  Acompanhe os melhores trechos:

Acontece Unimep – Por que escolheu fazer o curso de direito na Unimep?
Diogo Oliveira – Escolhi fazer o curso de direito na Unimep por ser bem reconhecido na região. Queria fazer música ou direito, por gostar da área de humanas, por enquanto consigo estudar ambos.

Acontece – Qual é sua trajetória na música?
Oliveira – Sempre gostei de música, mas comecei a estudar música e violão há mais ou menos dois anos, por influência e apoio da minha mãe, e participei de apresentações no Colégio Piracicabano. Em agosto de 2018, comecei a estudar música erudita no Conservatório de Tatuí.  Depois, participei de apresentações no Colégio Piracicabano, toquei com amigos também músicos, participei da Orquestra Contemporânea de Cordas de Piracicaba e de apresentações, algumas vezes, nos teatros do Sesi e do Sesc. Também já participei do festival Som Maior no ano passado, com a Banda de Propósito, pelo colégio.

Acontece – Qual o estilo da banda Para Raio, que representa a Unimep no festival?
Oliveira – A banda é bem eclética. Tocamos desde MPB, como Tim Maia e Alceu Valença, até rock, como The Black Keys e Kings of Leon.

Acontece – Quais são as suas expectativas no Som Maior?
Oliveira – Minha expectativa é fazer uma boa apresentação!

O FESTIVAL – De agosto a dezembro, são oferecidas oficinas com músicos de destaque, como o violinista João Marcos de Almeida, o pianista Osmar Barutti, o baixista Renato Loyola, o músico Ubaldo Versolato, e o baterista Alexandre Cunha. A programação é acompanhada do psicólogo Luis Xavier, especialista em comportamento de jovens. Em 20 anos de evento Regina Gomes, idealizadora da iniciativa, destaca a melhoria do desenvolvimento dos participantes em suas respectivas escolas. “O intuito é que haja interação entre as escolas, na música e na cultura”, afirma Regina.

No próximo dia 22 de novembro (sexta-feira), o festival será realizado no Ginásio de eventos do Sesc; nessa data, haverá sorteio com a participação da plateia, que poderá participar das modalidades melhor torcida e melhor escolha do festival. Já no dia 13 de dezembro, serão entregues os troféus e medalhas aos vencedores da iniciativa.

O festival Som Maior conta com o apoio do Sesc, Sesi, da fotógrafa Eliete Santos Almeida, da fabricante alemã Elring Klinger, de Ivan Instrumentos Musicais, do laboratório Previlab, Café Morro Grande e da Diretoria de Ensino da Região de Piracicaba.

 

Texto: Daniela Borges
Edição de texto: Angela Rodrigues
Fotos: banco de imagens
Última atualização: 12/11/2019