Você está aqui: Página Inicial / Notícias / Alunos que vieram de outros Estados falam sobre a vivência na Unimep

Alunos que vieram de outros Estados falam sobre a vivência na Unimep

por Universidade Metodista de Piracicaba — publicado 20/07/2016 08h00, última modificação 11/08/2016 13h37

Sair pelo mundo apenas com a mochila nas costas e colocar em prática centenas de ideias é sonho de muitos estudantes. Mas descobrir novos horizontes requer muito mais do que vontade, é preciso também saber enfrentar os inúmeros desafios que esse sonho implica. Dentre eles o de saber administrar os recursos financeiros, adaptar-se aos novos cenários e costumes e, sobretudo, driblar a saudade da família e dos amigos.

No último semestre, na Unimep, 113 alunos de graduação e de pós-graduação escolheram trilhar esse caminho. Raquel Talita Borges, 18, aluna do curso de letras-inglês, é uma delas. Antes de ingressar na universidade, ela havia se mudado de Piracicaba para Pará de Minas, em Minas Gerais. “"Morei em Piracicaba durante toda a minha infância e em boa parte da adolescência, no entanto, somente após residir em outro Estado e conviver com uma cultura diferente, é que pude notar o quão atrativa e encantadora é Piracicaba"”, ela conta. A reputação da qualidade de ensino e o conceito do curso da Unimep no MEC foram os motivos que a trouxeram de volta.

Ela também conta que sente saudades de olhar para o céu nitidamente azul da cidade do interior e respirar ar mais puro. “"Aqui o céu é acinzentado e o ar mais poluído"”, conta Raquel. Até o seu modo de falar foi influenciado pelo período que morou em Minas: "“adotei inconscientemente o sotaque e algumas gírias comuns entre os mineiros e quando retornei para Piracicaba utilizava-os frequentemente, enfrentando dificuldade de readaptação ao vocabulário local"”.

Raquel destaca o que a universidade significa para ela: “"a Unimep é mais do que apenas ambiente de aprendizagem, é também lugar para fazer amigos, compartilhar experiências e descontrair nas horas vagas. Sinto-me aconchegada ao caminhar pelos corredores e observar a bela arquitetura. Além do mais, me simpatizo com a atmosfera receptiva"”, afirma.

MATURIDADE

Mudar de cidade e de Estado também não é novidade na vida de Fábio Chaves Nobre, 40. Pelo contrário, aluno do curso de doutorado do Programa de Pós-Graduação em Administração (PPGA) da Unimep, ele é natural de Fortaleza e tem residência em Mossoró, no Rio Grande do Norte. Atualmente, reside em Piracicaba até concluir as disciplinas de doutorado do PPGA, mas faz questão de destacar que a permanência é provisória. 

“"Soube da Unimep por meio de um casal de professores que trabalhou na universidade e conheci a cidade quando ingressei na universidade"”, conta ele. A escolha pela universidade se deve pela sua história. "“Escolhi a Unimep pelo excelente conceito da instituição e do curso de doutorado"”, destaca.

A cidade o agradou. "“Piracicaba é bem estruturada e tem um sistema de transporte público bem aparelhado e de fácil condução. Contudo é uma cidade com preços altos"”, afirma. Dentre os pontos turísticos que mais o encantaram até o momento está o Teatro do Engenho e o rio Piracicaba.


Texto:
Angela Rodrigues e Serjey Martins
Ilustração: Laryssa Ventura
Edição: Celiana Perina
Última atualização: 11/08/2016

 

registrado em: