Você está aqui: Página Inicial / Notícias / Direto de Berlim, aluno de eng. de produção relata experiências

Direto de Berlim, aluno de eng. de produção relata experiências

por Universidade Metodista de Piracicaba — publicado 28/10/2013 11h11, última modificação 26/04/2016 18h50
Desde agosto, o unimepiano Bruno Sales Salvador (foto), 27, aluno do 8º semestre do curso de engenharia de produção da Unimep, está em Berlim, Alemanha, onde participa de um programa de intercâmbio no Instituto IWF (Institut für Werkzeugmaschinen und Fabrikbetrieb) da Universidade TU Berlin (Technische Universität Berlin). Ele é um dos estudantes da Unimep, atualmente vinculados aos programas de intercâmbios oferecidos pelo Laboratório de Sistemas Computacionais para Projeto e Manufatura (SCPM), da Faculdade de Engenharia, Arquitetura e Urbanismo da Unimep.

Em Berlim, Salvador permanecerá até agosto de 2014. Até essa data, seus planos são superar as dificuldades em relação ao idioma alemão, que considera complexo; aprimorar conhecimentos acadêmicos e desenvolver as habilidades profissionais a partir das atividades exercidas com o projeto HoliMan (Holistic Optimization of Sculptured Surface Manufacturing). Além disso, ele também pretende explorar ao máximo todas as oportunidades de conhecimento cultural e intelectual que surgirem em seu caminho.

IMPRESSÕES

“Possuía a visão que muitas pessoas têm de que o povo alemão é frio e metódico. Mas o que percebo é que existem pessoas de todos os tipos, assim como em qualquer lugar, pessoas frias, alegres, fechadas, extrovertidas, organizadas ou não. Enfim, se formos generalizar, realmente, a maioria é um pouco mais fechada e realmente são organizados, sempre planejando tudo que fazem. Existem pessoas de todos os tipos, crenças e raças, e ainda mais em Berlim, que é uma cidade com muitos imigrantes. A cada dia conheço pessoas novas, vivencio novas experiências e em todo momento aprendo com o cotidiano deste povo”, conta o estudante.

O universitário relata que dentre as principais sensações vivenciadas por ele, nos últimos três meses, estão: o contato com uma cidade rica cultural e historicamente, a admiração frente à estrutura administrativa do município, principalmente em relação ao transporte público.
“Tudo funciona muito bem aqui, destaco o sistema de transporte que é todo integrado (metrô, trem, ônibus), por um preço único e acessível. A infraestrutura, a riqueza cultural e o padrão de vida são pontos destacáveis nesta bela cidade, que possui inúmeras atrações como parques, teatros, museus, amostras, e dentre outras, muita história. Já sinto que um ano é pouco para explorar esta bela cidade e ainda menos a outras cidades que aqui existem”, acrescenta.

ROTINA

O cotidiano de Salvador é repleto de atividades. Todos os dias, nos períodos da manhã, Salvador desenvolve as atividades de parte do projeto HoliMan, no Instituto IWF. Após almoçar no restaurante universitário, ele divide seu tempo novamente entre as atividades do Instituto com aulas na universidade. No período noturno, mais estudos, só que dessa vez, são as aulas de alemão que ele cursa na universidade. Nas noites livres, ele encontra disposição para a prática de esportes. “A TU Berlin oferece inúmeras práticas desportivas, atualmente estou matriculado em jiu-jítsu e musculação”, conta ele, que dentre outros pontos turísticos de Berlim, já conheceu o Portão de Brandemburgo, o Muro de Berlim, o Estádio Olímpico de Berlim e o Museu Pergamon, além de praças, igrejas e memoriais.



Entrevistas e texto:
Angela Rodrigues
Fotos: acervo pessoal (Bruno Salvador)
Coordenação/edição de texto: Celiana Perina
Última atualização: 28/10/2013

 

registrado em: