Você está aqui: Página Inicial / Notícias / Estágio: uma oportunidade de unir teoria e prática

Estágio: uma oportunidade de unir teoria e prática

por Universidade Metodista de Piracicaba — publicado 18/01/2012 11h49, última modificação 26/04/2016 18h48

Engenharia, administração, direito e comunicação são áreas que estão em alta para universitários que buscam por um estágio. Se você faz parte de um desses grupos, o momento é esse. As dicas são de Suellen Estevam Bortolotti, que coordena a Central de Estágios da Unimep, um dos caminhos disponíveis na instituição para os que têm interesse em iniciar o estágio. Mas também há espaços para outras áreas, como saúde, educação, humanas e gestão e negócios. Na Central de Estágios, setor vinculado à Coordenação de Graduação da Unimep, atualmente há 209 acordos com empresas- -parceiras. 

“O objetivo é criar oportunidades para o estudante capacitar-se para a inserção no mercado de trabalho. Isso inclui participar de processos seletivos, desenvolver habilidades e técnicas que auxiliem na preparação profissional, além de planejar a carreira”, afirma. “O maior benefício do estágio é proporcionar ao aluno a experiência das aplicações práticas dos conteúdos desenvolvidos, em sala de aula, por seus cursos”, aponta o coordenador do curso de engenharia de produção da Unimep, Luiz Carlos da Cunha Colombo.

Experiência 

A experiência adquirida é um diferencial para Camila Duarte (foto acima), 23, aluna do 8º semestre de jornalismo e estagiária no Departamento de Comunicação da ArcellorMittal Piracicaba. “Sinto-me muito mais preparada para entrar no mercado de trabalho. Durante o curso, aprende-se muito, mas é no estágio que se pode perceber como é a prática”, afirma. Camila, que ingressou pelo Prouni, também destaca a remuneração. “Ajuda muito na hora de pagar as contas, principalmente no meu caso, que moro sozinha”, diz. 

A aluna Juliana Bezerra de Mello, 21, trabalha de segunda a sexta. Ela acorda às 5h20, para acompanhar as aulas do 4º semestre do curso de gastronomia da Unimep. Às 12h40, ela parte para o Royal Palm Plaza, em Campinas, local em que trabalha como estagiária desde setembro, e permanece até as 21h. Para ela, o estágio consiste na oportunidade de aprendizado e melhoria nas áreas profissional e pessoal.
Central de Estágios 

Para inscrever-se, basta acessar o www.unimep.br/centraldeestagios ou ir pessoalmente até o departamento, localizado no Átrio da Biblioteca, no campus Taquaral. O horário de atendimento é das 8h às 12h, das 13h às 17 e das 18h às 21h30.


MATURIDADE 

Maturidade pessoal e profissional, compreensão do mundo corporativo e oportunidades são alguns dos benefícios que o universitário Caio Conti Bonesso, 25, do 10º semestre do curso de engenharia de produção da Unimep, aponta como resultados de seu estágio. Bonesso atua na Robert Bosch, do grupo Bosch, desde o 4º semestre. O aluno permaneceu um ano na Alemanha, desenvolvendo atividades na empresa localizada em Stuttgart. “A oportunidade surgiu e por estar dentro da empresa, fui convidado. No início, tive dificuldades com o idioma e os costumes, mas depois me apaixonei pelo fato de estar num outro país e aprender outra cultura”, conta. 

De volta ao Brasil, adquiriu um olhar diferenciado, mais experiência e outro idioma além do inglês. Elementos que podem fazer a diferença no ato de contratação. Para ingressar no estágio que desenvolve atualmente na Caterpillar Brasil S/A, o aluno do 8º semestre de engenharia de produção, Felipe Henrique Alves Zampin (foto ao lado), 21, passou por um processo que reuniu aproximadamente 25 candidatos. “Destaco a confiança que surgiu no aprendizado das funções exercidas. No estágio, também tive a possibilidade de conhecer de perto o funcionamento de uma empresa e da gestão. Tem sido uma ótima experiência”, afirma.


EX-ESTAGIÁRIO 

Há dois tipos de estágios: o obrigatório, que é uma disciplina que integra a estrutura curricular e conta com supervisão específica de docentes; e o não obrigatório, uma atividade opcional. Para as duas modalidades, o período é de seis horas diárias, de segunda a sexta-feira. No caso do estágio remunerado (não obrigatório), o valor pode variar de R$ 200 a R$ 2.000, de acordo com a política de cada empresa. Acompanhe a opinião de profissionais que atuam na Unimep - Universidade Metodista de Piracicaba que passaram pela experiência de realizar um estágio enquanto eram universitários. 

“As pessoas brincam que estagiário faz de tudo, mas foi isso que alavancou a minha profissão, porque nunca me neguei a fazer as coisas. Emitia nota fiscal, ia para o meio da fábrica, não encarava nada como depreciativo. No estágio, aprendi duas coisas: ser humilde, porque a gente nunca sabe tudo e ensinar os outros”, Valéria Spers, professora e coordenadora do MBA em Gestão e Negócios. 

“Da forma como está organizado o estágio acrescenta muito pouco. A oportunidade de trabalhar em projetos de pesquisa e fazer um intercâmbio internacional, vale muito mais. No estágio aprendi pouco, entretanto com meus professores aprendi e aprendo muito. Trabalhando com universidades alemãs para o doutorado, notei o quão importante é a confiança recíproca que deve permear o relacionamento profissional”, Klaus Schützer, diretor do Laboratório SCPM/Feau e professor do pós-graduação em engenharia de produção

“Minha experiência de estágio foi positiva. Defini o tipo de atuação profissional que queria.Trabalhava na área de qualidade com locomotivas e pórticos de usina hidrelétrica e decidi que minha vida profissional não seria dentro de uma empresa mas na área acadêmica. Ao terminar a graduação, parti para o mestrado e o doutorado”,  Roberto de Souza Júnior, vice- diretor da Feau/Unimep. 

“Se não fosse o estágio, não seria o que sou hoje. Consegui fazer a faculdade com uma qualidade melhor, porque via o direito acontecendo ao vivo. Foi a oportunidade de ser, enquanto podia, um aprendiz. No momento em que tirei o registro na OAB, não podia mais errar”, Jarbas Martins Barbosa de Barros, professor e diretor da Faculdade de Direito.


“Fiz estágio na TV Cultura, pois queria me qualificar na área de comunicação. Classifico como altamente positiva, pois influenciou todo o meu trajeto profissional. Durante muitos anos, foquei na área da comunicação, depois fui para a educacional. A característica que permaneceu foi a do trabalho em equipe, porque se um falhar, falha todo o processo”. Clovis Pinto de Castro, reitor da Unimep.

Texto: Angela Rodrigues
Coodernação/ edição: Celiana Perina
Fotos:
Fábio Mendes e Bolly Vieira
Última atualização: 18/01/2012

 

registrado em: