Você está aqui: Página Inicial / Notícias / Ex-aluno e hoje professor do curso de psicologia da Unimep

Ex-aluno e hoje professor do curso de psicologia da Unimep

por Universidade Metodista de Piracicaba — publicado 04/12/2015 08h28, última modificação 26/04/2016 15h53

Certos talentos, assim como no esporte, despontam ainda cedo, são selecionados e aproveitados nas melhores equipes. Vinícius Furlan, 26, graduou-se em psicologia na Unimep, em 2013 e defendeu sua tese de mestrado na Universidade Federal do Ceará em novembro. Ele ministra aulas no curso de psicologia da Unimep.

Dedicado, ele realizou vários trabalhos de iniciação científica, publicou artigos em revistas científicas e conseguiu premiações por seus trabalhos, dentre elas, quatro  em nível nacional por grandes associações da psicologia. “Tudo isso não é apenas mérito individual, mas de todos que estavam implicados com minha formação”, diz Vinícius Furlan.

Abaixo, você confere os melhores trechos da entrevista dele para a série Ouro da Casa, que divulga as trajetórias e conquistas profissionais de ex-alunos da universidade:

Unimep - Como foi  se tornar professor na universidade que estudou?

Vinícius – Tornar-me professor na universidade onde me formei é grande honra e alegria. Desde a graduação sempre tive um enorme carinho e respeito pela Unimep, professores, colegas e especialmente pelo nosso curso de psicologia, que este ano completa 43 anos. Dediquei-me intensamente na minha formação e busquei contribuir com o curso no que pude.

Unimep - Quais os desafios de estar do outro lado da sala de aula? Você acha que hoje entende, melhor seus antigos professores?

Vinícius – Penso que sempre entendi meus professores. Eles buscavam criar estratégias para ter proximidade com os alunos e, deste modo, construir um diálogo. Esse é o desafio do professor: estabelecer diálogo com os alunos para que o conhecimento tenha uma função formativa e não simplesmente informativa, do contrário, é só informação lançada no vazio. A formação acadêmica precisa ser pra vida.

Unimep - O que esse trabalho tem de especial para você?

Vinícius – Desde que entrei na graduação já sonhava em ser professor universitário. Foi isso que me fez percorrer todo o caminho e lutar muito para que pudesse chegar onde estou. Portanto, ter conseguido tornar-me professor é um sonho e um projeto de vida que hoje se tornaram realidade.

Unimep - Tem alguma lembrança especial da época da faculdade?

Vinícius – Tive grandes professores que hoje se tornaram grandes amigos. Assim como tive excelentes amizades de sala e do curso que, tenho certeza, se estenderão para a vida toda. Não posso deixar de citar o Centro Acadêmico, que também teve papel importante em minha formação acadêmica e política.

Unimep - Quais dicas você daria para os alunos que desejam seguir a carreira acadêmica?

Vinícius – Para seguir  nessa área, além de muito estudo, é preciso que o aluno tenha um tanto definido aquilo que deseja. É certo que no começo ou mesmo ao longo da formação somos tomados por incertezas, pois os caminhos que trilhamos na formação podem decidir o que será de nossa carreira profissional. Mas no caso daqueles que decidiram pela carreira acadêmica, vale buscar se inserir em projetos de pesquisa e extensão, que a Unimep oferece com bons orientadores. Quase todos os programas de pós-graduação consideram muito os alunos que já passaram pelo processo de pesquisa. Também é importante produzir artigos para periódicos e apresentar trabalhos em congressos. Iniciar no universo da pesquisa é importante, pois estes projetos podem dar um grande salto de qualidade na formação.


Texto: Serjey Martins
Fotos: Acervo pessoal
Edição e Coordenação: Celiana Perina
Última atualização:  04/12/2015

registrado em: