Você está aqui: Página Inicial / Notícias / Inovação e sustentabilidade no Seminário de Alta Tecnologia

Inovação e sustentabilidade no Seminário de Alta Tecnologia

por Universidade Metodista de Piracicaba — publicado 02/10/2012 14h10, última modificação 26/04/2016 18h49

Para conhecer o que há de mais atual em tecnologias capazes de tornar produtos mais inteligentes e com foco na sustentabilidade, pesquisadores, acadêmicos, industriais e profissionais da tecnologia reúnem-se nesta quinta-feira, dia 4, na Unimep, para a 17ª edição do Seminário Internacional de Alta Tecnologia. Com o tema Inovações Tecnológicas no Desenvolvimento do Produto, o evento ocorre das 8h às 18h, no Teatro Unimep, campus Taquaral, com a presença de renomados pesquisadores alemães e brasileiros como palestrantes. 

Os interessados em participar podem efetuar as inscrições pelo unimep.br/scpm/seminario Nele é possível acessar os valores de inscrição e consultar a programação completa do evento. As palestras serão apresentadas em inglês, português e alemão (as de língua estrangeira terão tradução técnica simultânea em português). 

“Atualmente, o seminário é um referencial no Brasil na divulgação de novas tecnologias e métodos de trabalho, devido à atualidade e ao nível técnico dos temas abordados”, destaca o docente e pesquisador Klaus Schützer (foto), organizador do evento e coordenador do Laboratório de Sistemas Computacionais para Projeto e Manufatura (SCPM) da Faculdade de Engenharia, Arquitetura e Urbanismo (Feau) da Unimep. Em entrevista ao Acontece Unimep, ele destaca os principais destaques do evento. Confira os melhores trechos:


Acontece Unimep – Quais são os diferenciais do seminário internacional desse ano?
Prof. Klaus Schützer - Temos um mix de palestrantes muito bons, ligados a universidades e indústrias. Dentre os temas, vamos apresentar questões muito atuais de desenvolvimento de produtos, considerando como tornar os produtos mais inteligentes e facilitar o uso dos mesmos. Por exemplo, sistemas que possam monitorar o uso de aparelhos e verificar a vida útil de algum componente. Outra palestra irá enfocar a questão da sustentabilidade, ou seja, como considerar os aspectos de sustentabilidade no desenvolvimento do produto. Além disso, pelo fato de 2013-2014 ser o ano Brasil-Alemanha, teremos também uma palestra com o representante da Casa Brasil-Alemanha, que agrega todas as instituições de fomento à pesquisa da Alemanha no Brasil, o prof. Marcio Weichert.

Acontece Unimep – Já estamos na 17ª edição do seminário. Nesse período, quais foram os principais desafios para a realização?
Prof. Klaus Schützer - O nosso maior desafio é a cada ano conseguir palestrantes que sejam referência. Superamos esse desafio, primeiro, em função das parcerias que o Laboratório SCPM possui, principalmente com universidades alemãs. Temos um grupo que nos auxilia muito na identificação desses palestrantes e que atuam como parceiros em diferentes universidades da Alemanha. Essa inserção internacional do SCPM é fundamental para garantir isso. Outro grande desafio é o financiamento de um evento desse porte, para o qual temos de providenciar tradução simultânea, anais, enfim, uma grande infraestrutura. Por isso, é fundamental conseguirmos o patrocínio e o apoio de empresas do Brasil, que acreditam nessa proposta.

Acontece Unimep - Quais foram os principais resultados obtidos pelo seminário nesses 17 anos?
Prof. Klaus Schützer - São dois os resultados principais. Por um lado, o seminário abre as portas para os nossos professores que trabalham com pesquisa e em indústrias. Atualmente, industriais de todo o Brasil sabem que existe aqui na Unimep, um grupo de professores que atua nessa área de pesquisa, e com quem eles podem desenvolver trabalhos. Por outro lado, temos feito uma divulgação muito grande por todo o Brasil, dos nossos cursos de engenharia e da própria instituição. 

Texto: Angela Rodrigues 
Fotos: Fábio Mendes
Edição de texto/jornalista responsável: Celiana Perina
Última atualização: 02/10/2012

registrado em: