Você está aqui: Página Inicial / Notícias / Professor Camilo Riani inaugura obra coletiva ‘gigante’ em escola de Piracicaba

Professor Camilo Riani inaugura obra coletiva ‘gigante’ em escola de Piracicaba

por Angela Rodrigues publicado 25/11/2019 05h00, última modificação 25/11/2019 23h41

A partir da exclusiva técnica da ‘cartoongrafia coletiva’ criada pelo artista, docente dos cursos de comunicação e coordenador do Salão Universitário de Humor da Unimep, Camilo Riani, foi inaugurado em outubro, o novo ‘MuroArte’ na Escola Estadual Dr. Prudente, em Piracicaba. A ação artística colaborativa contou com a participação de 600 pessoas dentre alunos, professores, organizadores, apoiadores e a comunidade do entorno, com idades entre um e 90 anos, que deixaram as marcas de suas mãos no local.

Idealizado pelo cartunista e pela agência Neurônio Adicional, o projeto contou com financiamento de empresas e entidades da cidade e gerou a produção de documentário histórico, realizado pelo Studio Monumental. A iniciativa contou com o apoio da Diretoria de Ensino de Piracicaba e da direção da escola. “O desejo, agora, é expandir por todos os lugares imagináveis”, afirma o artista-pesquisador.

O projeto também ofereceu vivências artísticas e educativas a todos os alunos da escola, ministradas pelo próprio Riani, que leciona nos cursos de publicidade e de design da Unimep. A proposta surgiu como ideia para criar vínculos afetivos entre os participantes a partir da metodologia da ‘ArtExperiência’, desenvolvida pelo artista em seus estudos de doutorado e pós-doutorado realizados na Unesp de Rio Claro.

“É como se tivéssemos pequenos grãos: a mão de cada pessoa. E junto a esse grão há outro ao lado, que é a mão do amigo. Ao juntar esses milhares de detalhes e mãos temos uma série de grãos, que acabam formando uma imensa cena única, como aquela que vemos agora no local”, destaca o professor Camilo Riani.

“O intuito é incentivar outras escolas a promoverem ações semelhantes em suas dependências, de forma a contribuir com a preservação do patrimônio, o senso de pertencimento e o crescimento turístico e cultural”, completa Piffer Junior, diretor da Neurônio Adicional e graduado em publicidade pela Unimep. A agência conta ainda com a participação de vários egressos da instituição, como o diretor Carlos Macedo, bem como da ex-funcionária Regina Moraes.

EXPERIÊNCIA INESQUECÍVEL – Os alunos ressaltaram a iniciativa. “Acho fantástico, é um projeto que marca a história da escola”, disse Beatriz Ribeiro, de 14 anos, aluna do 9º ano. “Essas artes são muito interessantes, uma coisa magnífica”, contou Rafaela Pires, também de 14 anos e aluna do 9º ano. “É importante para a imagem da nossa escola e vai dar um aspecto melhor, mais vivo, pra valorizar mais a nossa praça, inclusive”, apontou José Claudio, 13, estudante do 8º ano.  

“Foi uma inesquecível proposta pedagógica, sociocultural, uma ideia de preservar a cidade, a escola, se integrar e fazer arte, o que é muito positivo”, afirmou a diretora da escola, Cristina Negro Silva. “Nós temos agora uma obra de arte para mostrar para a cidade, que temos orgulho de ver cada vez mais bonita e que respira arte, por conta de artistas, como esses alunos. É com eles que nós vamos fazer uma sociedade melhor”, afirmou o diretor regional de ensino, Fabio Negreiros.

Mais informações sobre o projeto MuroArte podem ser obtidas por meio do site www.artexperiencia.com.br

                                                    

Texto: Camilo Riani, com colaboração de Rafael Bitencourt (Mtb 51.477/SP)
Fotos: acervo pessoal prof. Camilo Riani
Última atualização: 22/11/2019