Você está aqui: Página Inicial / Notícias / Unimep é credenciada como instituição amiga da rede Proterra

Unimep é credenciada como instituição amiga da rede Proterra

por Universidade Metodista de Piracicaba — publicado 13/01/2012 11h45, última modificação 26/04/2016 18h48

Com o credenciamento do Laboratório de Sistemas Construtivos (Labsis) da Faculdade de Engenharia, Arquitetura e Urbanismo (Feau) no site oficial, a Unimep entra na lista de instituições amigas da Rede Ibero-Americana Proterra. A Proterra é uma instituição de cooperação técnica que investiga e desenvolve a construção com terra nos setores produtivos, acadêmicos e sociais. 

O credenciamento ocorreu no segundo semestre de 2011, com a aprovação unânime de todos os especialistas participantes do Seminário de Educação Superior em Arquitetura de Terra, promovido em junho de 2010 em Grenoble, na França. Na ocasião, Eduardo Salmar Nogueira e Taveira, professor da Feau vinculado ao laboratório, apresentou o trabalho “Unimep: 10 Anos de Ensino em Arquitetura e Construção com Terra\" e solicitou a inclusão do laboratório na rede. 

RESULTADOS 

Dentre os benefícios apontados por Taveira a partir do credenciamento na Proterra, está o de participação na montagem do projeto de pesquisa Universidade Cidadã e Solidária Para o Melhoramento da Habitação, que envolve pesquisadores internacionais. 

“Este projeto deverá passar ainda por várias etapas em 2012, mas em um primeiro momento possibilitou o cadastramento da universidade na base de dados conhecida como Pador, fundamental para que possa receber apoios financeiros da comunidade europeia”, afirma o professor. 

Já dentre as iniciativas à comunidade externa, ele conta que, diante das possibilidades permitidas a partir do financiamento europeu, as atividades do laboratório para os anos de 2012 podem incluir um curso técnico de nível superior, direcionado ao melhoramento da habitação social. Na Feau, o Labsis funciona como um instrumento de ensino da arquitetura sustentável, participação em projetos de pesquisa com outras instituições de ensino superior e com dezenas de construções experimentais no canteiro de obras do curso de arquitetura e urbanismo.

REDE 

Na Proterra, as atividades são desenvolvidas por especialistas de universidades, centros de pesquisa e empresas públicas e particulares, que se dedicam ao estudo e aplicação da terra como material de construção. Atualmente, participam da rede mais de 100 membros de países como Argentina, Bolívia, Cuba, Chile, Espanha, México e Venezuela, dentre outros além do Brasil. 


Edição e texto:
Assessoria de Comunicação e Imprensa
Fotos: Fábio Mendes
Última atualização: 05/01/2012

registrado em: