Você está aqui: Página Inicial / Notícias / Viagens ao exterior são rotina de unimepiano de eng. de automação

Viagens ao exterior são rotina de unimepiano de eng. de automação

por Universidade Metodista de Piracicaba — publicado 22/05/2015 12h03, última modificação 26/04/2016 15h52

Arrumar malas e partir rumo a territórios desconhecidos são  rotina no cotidiano do engenheiro de controle e automação Felipe Rossin Vassão. Graduado pela Unimep em 2007, ele já foi ao Egito, Indonésia, Malásia, Venezuela, Equador, Guatemala, Bolívia, Síria, México, Polônia e Arábia Saudita, sempre a trabalho.

Vassão é, desde março de 2011, engenheiro de controle e automação na Dresser-Rand do Brasil, multinacional fornecedora de equipamentos rotativos e produtos como compressores de gás centrífugos, turbinas a gás e vapor, expansores de gás, dentre outros, para indústrias ligadas à área de energia localizadas em todo o mundo. Nesta semana, ele é o entrevistado da série Ouro da Casa, que tem a proposta de destacar as conquistas de ex-alunos da instituição. Confira os melhores trechos da entrevista:

Unimep – Conte a sua trajetória profissional desde que se graduou na Unimep?

Vassão – Após me formar na Unimep trabalhei durante três anos e meio na NG Metalúrgica em Piracicaba. Nesse período, tive a oportunidade de viajar a trabalho para países como Egito, Indonésia, Malásia, Venezuela, Equador, Guatemala, Bolívia, Síria, México e Polônia. Após tive a oportunidade de ingressar na Dresser-Rand, multinacional na qual continuei com trabalhos de comissionamento, mas agora mais voltado à área de óleo e gás e tendo como campo de trabalho refinarias e plataformas de produção e estocagem de petróleo. Por meio dessa empresa tive a oportunidade de trabalhar no Brasil e em países como Argentina, Coréia do Sul e Arábia Saudita.


Unimep –  Cite um momento significativo da sua carreira? Por quê?

Vassão – Ter conseguido ingressar em uma multinacional do porte da que trabalho atualmente, pois entendo que grandes empresas geram grandes oportunidades.


Unimep – Como analisa o mercado de trabalho em sua área atualmente?

Vassão – Está aquecido, principalmente na área de óleo e gás, e não só em nível nacional como internacional. Existe uma carência grande de profissionais de automação

para a área de óleo e gás. Sendo assim, a procura é grande.

 

Unimep – Por que escolheu estudar na Unimep e o que a universidade significa em sua trajetória?

Vassão – Escolhi a Unimep pela sua estrutura, tanto em relação aos laboratórios quanto aos professores altamente capacitados que me deram ótimas orientações durante minha graduação. A Unimep me fez ver o mundo de forma ampla e abriu os horizontes para as oportunidades profissionais na minha carreira.

 

Texto: Angela Rodrigues
Fotos: acervo pessoal
Edição/coordenação: Celiana Perina
Última atualização: 22/05/2015

registrado em: