Você está aqui: Página Inicial / Pastoral Universitária / Devocional

Feliz Dia da Mulher

por Pr Cris Pedroni publicado 03/08/2021 08h29, última modificação 08/03/2022 11h08

📬
Mulher virtuosa, quem a achará?
O seu valor muito excede o de finas joias.
(Provérbios 31:10)


💌
Mulher é mesmo interessante...
Mesmo brava, é linda
Mesmo alegre, chora
Mesmo tímida, comemora
Mesmo apaixonada, ignora
Mesmo frágil, é poderosa!
(Angela Cavalcanti)



Como é difícil encontrar uma boa definição sobre a mulher. Na maior parte das vezes, na literatura, são palavras ditas por homens que sequer as valorizam. E o mundo das letras é só um extrato de um universo cheio de palavras já pronunciadas, e quase irracionalmente repetidas, onde as mulheres existem incompreendidas.

E não é uma questão de falta de entendimento, já que o brilho de uma mulher é como a luz de uma estrela longínqua. O que falta é a admiração. Não se deter para admirar a mulher que, muitas vezes, brilha em silêncio no seu lugar. Mulheres que não chamam para si os olhares. Não se ouve a sua voz dizendo: “veja só o que eu estou fazendo”.

Com seus brilhos diferentes, em cores e intensidades, cada mulher tem o seu lugar neste vasto universo. E todas, ao mesmo tempo, fazem da vida um lindo espetáculo, como um céu estrelado em noite serena. Talvez por isso, serenidade seja um substantivo feminino. E daí vem a qualidade, como um belo adjetivo, a capacidade de ser serena. Tudo bem que dentro de cada uma dessas estrelas as coisas estejam literalmente explodindo, como algo borbulhando na intensidade da sua própria existência. Do lado de fora o brilho continua constante.

A vida, como essa cortina escura que nos cobre, precisa delas. Só assim as noites se tornam calmaria de sentimentos. A presença que traz paz e segurança na forma desses pontinhos de luz que são as mulheres. Para onde os olhares se perdem em sonhos. Não, elas não precisam ser compreendidas. Elas merecem ser admiradas. E, do jeito certo, desejadas. Pois, dentre muitas coisas que elas podem ser enquanto viajam neste universo, existe a chance de elas se tornarem a mulher da vida de um homem.

Que coisa louca essa. É como olhar para o céu e escolher uma estrela para ser só sua. Mas que não pode ser tomada à força e arrancada de lá. O que fazem os homens que não as entendem. Não dá pra trazê-las para perto como quem quer botá-las numa caixinha. Assim o seu brilho diminui e, em algum momento, se apaga. A mulher é uma estrela que tem o seu lugar. Ela merece estar lá, no alto. Merece a liberdade de lançar sua luz e mudar suas nuances. Estrela que, na extensão da sua vida, pode ser menina, moça, namorada, esposa, mãe ou a profissional que desejar; segundo o poder que há dentro dela. Estrela que pode escolher ser todas essas coisas quando e se ela quiser. E se nós, homens, pararmos para perceber, pouco precisam da nossa ajuda para serem o que Deus as fez pra ser.

Às mulheres da minha vida, esposa, filha, nora, mãe, irmã, sobrinha, cunhada, tias, primas e avós, e a todas as minhas amigas, colegas ou vizinhas: a minha admiração! Por continuarem sendo quem são. Ainda que palavras ou atitudes de incompreensão, algum dia, tenham tentado diminuir a sua luz. Precisamos desse brilho, ainda que, às vezes, não o compreendamos.

Feliz Dia da Mulher.


✏️
Pr Cris Pedroni
UNIMEP - Taquaral
Metodista Centenário
Piracicaba - SP